TANABATA MATSURI

Tradição é algo forte, inquestionável, um costume, uma prática, uma crença, um conceito que vem de muito tempo. Quase intransponíveis, as tradições, remetem a memórias, a identidade de uma pessoa, de uma família, de uma nação inteira. Elas são capazes de nos situar no tempo, saber de onde viemos, onde estamos e para onde seguiremos. Mesmo que a decisão seja “quebrar” a tradição, ela sempre será uma referência. Este trabalho é resultado da interpretação feita por uma ocidental de raízes libanesas sobre uma tradição oriental de raízes japonesas. Para representar este tema com delicadeza foi preciso ser imparcial, mergulhar nos símbolos, experimentar as sensações e ao mesmo tempo ser apenas uma observadora. Só assim foi possível conseguir tecer a energia de significados tão sutis e transformá-los em matéria.

Simbologia

Vitrine inferior: representação das árvores onde são pendurados os desejos escritos em papéis para serem levados as estrelas.

Vitrine superior: o encontro das duas estrelas no sétimo dia do sétimo mês do ano lunar.

Preto: masculino

Vermelho: feminino

Cestos: mini jardim japonês

Arroz: prosperidade e remete ao jardim japonês normalmente elaborado com areia.

Espiral: vida e movimento de elevação.

Para saber mais sobre a lenda e tradição do Tanabata Matsuri clique aqui.

CONCEPÇÃO E EXECUÇÃO:2015
CLIENTE:GALERIA TOYO ART DESIGN